10 de maioDia das Mães: unidos pelo bem-estar, mães e filhos compartilham os benefícios de treinarem juntos 

Prática de exercício em família na academia fortalece os laços afetivos e promove uma vida mais saudável para mães e filhos 

Enquanto se celebra o amor e dedicação materna, uma tendência está fortalecendo ainda mais os laços entre mães e filhos: o exercício em família na academia. Longe de ser apenas uma rotina de treino, mães e filhos aproveitam o ambiente da academia para compartilharem momentos significativos juntos, enquanto priorizam a saúde e o bem-estar.

Na busca por um estilo de vida mais saudável, mães e filhos estão descobrindo os inúmeros benefícios de se exercitarem juntos. “Treinar com minhas filhas não é apenas uma atividade física, é uma oportunidade de estarmos mais próximas e fortalecermos nosso vínculo”, compartilha Gigi Buonora, 56, aluna da Bodytech Tirol e mãe de Aline, 37, e Helen, 35.

Assim como Gigi pontuou, a prática de exercícios em família vai muito além dos resultados físicos. Ela promove um ambiente de apoio mútuo e incentivo, onde cada membro da família se torna um motivador para o outro. É o que Isabel Lucena, profissional de educação física e professora na Bodytech Tirol, em Natal, ressalta.

“Adotar o hábito de treinar com os filhos terá como um dos principais benefícios o tempo de qualidade que passam juntos, fortalecendo o vínculo emocional que, por muitas vezes, devido à rotina torna-se algo subestimado. Além disso, é possível unir a prática de atividade física com momentos de conversa, reflexão e criação de memórias, funcionando também como uma forma de motivação mútua”, esclarece Isabel.

Ainda de acordo com Isabel, a escolha da atividade física deve estar diretamente relacionada com a relação de prazer e bem-estar ao realizar a prática. Dessa forma, é necessário escolher a modalidade mais prazerosa para ambos. Além disso, é importante ressaltar que os benefícios em possuir um estilo de vida ativo atrelado a uma boa alimentação em família tem impactos positivos na melhora da saúde cardiovascular e metabólica, no fortalecimento muscular, na saúde mental e na qualidade de vida.

“A gente tem uma vida bem corrida, mas quando vejo minha mãe se esforçando durante o treino, isso me inspira a dar o meu melhor também”, confidencia Aline Buonora, filha de Gigi. Ao treinar com a mãe, ela também consegue aproveitar momentos de diversão e descontração. “Nos desconectamos das preocupações do dia a dia e aproveitamos a companhia uma da outra, é uma troca constante de energia positiva e uma forma de construirmos memórias felizes juntas”, conta empolgada.

Professora universitária aposentada, Regina Maciel, 66, sempre colocou os exercícios físicos como parte da sua rotina, mas foi com a filha Carol e a neta Bela de 14 anos que sentiu maior satisfação ao chegar na academia e realizar suas atividades. “Vou praticamente todos os dias, é muito prazeroso encontrá-las por lá, e a gente tem um momento de troca bem legal, cada uma ajudando a outra a manter os exercícios em dia”, enfatiza.

Para ela, mais do que presentes materiais, o maior presente que mães e filhos podem se dar é o compromisso mútuo de uma vida saudável e feliz, compartilhando não apenas o amor, mas também o suor, os desafios e as conquistas ao longo do caminho.